Após protestos e alta dos combustíveis, Câmara institui comissão e realiza audiência pública

Categorias Câmara Municipal, Notícias

Depois de formar uma comissão para “acompanhamento do aumento e comparação dos preços de combustíveis dos postos” localizados em Araras, a Câmara decidiu realizar audiência pública com os proprietários de postos de combustíveis e a população de Araras em geral para debater sobre uma possível alta dos preços na cidade. A audiência pública acontece hoje, quarta-feira (13), às 19h30, no Plenário da Câmara.

Em julho de 2015, há dois anos e meio, o litro da gasolina e do etanol custavam R$ 1 a menos em média, em Araras; com isso, para encher um tanque hoje o ararense gasta quase R$ 50 a mais
Foto: Arquivo/Tribuna

A Câmara já criou, ainda no final de novembro, uma comissão temporária de assuntos relevantes para acompanhar os preços dos combustíveis na cidade.

Os membros da Comissão de Assuntos Relevantes, no interesse do bom andamento dos trabalhos, poderão, em conjunto ou isoladamente proceder as visitas e levantamentos dos preços cobrados pelos postos de combustíveis de araras, bem como realizar um comparativo com os preços praticados pelos postos de combustíveis da região; requisitar de seus responsáveis a apresentação de documentos e a prestação dos esclarecimentos necessários; requisitar ao Procon de Araras todas as informações e documentos pertinentes.

A Comissão sugerida por Jackson de Jesus (pros) será constituída por até sete membros nos termos do artigo 134, §4º e seguintes, do Regimento Interno da Câmara Municipal – este é o limite permitido pelas normas da Casa – e terá prazo de funcionamento de 90 dias, passível de prorrogação justificada mediante aprovação do Plenário.

Eventuais reuniões para estudos e discussões do assunto da Comissão serão públicas e realizadas no Plenário da Câmara Municipal, em dias determinados pelo Presidente da Comissão.

Mobilização de consumidores

Indignados com a alta dos preços dos combustíveis, diversos ararenses se mobilizaram pela rede social WhatsApp e protestos aconteceram em novembro. De acordo com apuração da Tribuna, com dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo), somente a gasolina subiu R$ 0,50 desde o mês de abril em Araras.

Nos últimos anos os combustíveis vêm registrando sucessivas altas pelo país. Para se ter uma ideia, de acordo com levantamento feito pela Tribuna, em julho de 2015, há dois anos e meio, o litro da gasolina e do etanol custavam R$ 1 a menos em média, em Araras; com isso, para encher um tanque hoje o ararense gasta quase R$ 50 a mais.

Porém, além da alta nacional, o que teria revoltado os motoristas é a peculiaridade em Araras de uma proximidade de preços entre postos distintos da cidade. Em cidades como Limeira e Leme, por exemplo, é possível encontrar o etanol a R$ 2,50 ou R$ 2,60. Já em Araras os preços encontrados são bastante próximos a R$ 2,80, com pouca diferença entre os postos.

Até o prefeito Pedrinho Eliseu (PSDB) chegou a se reunir com proprietários de postos, mas desde a reunião realizada no gabinete pouco se viu de mudança efetiva.

Fonte: Tribuna do Povo – Site

Você pode ler também!

Ibope para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%

O Ibope divulgou nesta segunda-feira (15) o resultado da primeira pesquisa do instituto sobre o segundo

Read More...

Claudinei Matiolli recebe título de Guarda Civil Municipal do Ano na Câmara Municipal

O Guarda Civil Municipal, Claudinei Matiolli recebeu na última segunda-feira (01), durante a 35ª sessão ordinária,

Read More...

Aprovado projeto que institui no calendário oficial de Araras o ‘Dia Municipal do Rotaract’

De autoria da vereadora Anete Monteiro dos Santos Casagrande (PSDB), o projeto de Lei foi aprovado

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu