Câmara promove palestra sobre prevenção do suicídio durante a campanha ‘Setembro Amarelo’

Categorias Câmara Municipal, Notícias

As palestras serão ministradas pelas psicólogas Elaine Reis e Nayara Santos no dia 4 de setembro, às 19h30, no Plenário Bruno Moysés Batistela na Câmara Municipal de Araras. O evento é gratuito e aberto a população.

Esta é a 3ª edição da Campanha ‘Setembro Amarelo’ em Araras, que tem a finalidade de conscientizar a população quanto a prevenção do suicídio e a valorização da vida, uma vez que todo o dia 10 de setembro comemora-se o dia oficial da prevenção mundial do suicídio.

No evento, o público poderá conferir as formas de prevenção e ética na divulgação do suicídio, a importância de conversar sobre o tema com jovens e idosos, além de conhecer as estatísticas atualizadas de suicídios no Brasil, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

A estimativa de acordo com a OMS, são 804 mil suicídios por ano no mundo, sobretudo, em países onde a renda é considerada baixa ou média. Os casos envolvem principalmente os homens, a cada 48 segundos existem pessoas cometendo suicídio no mundo. “O suicídio é um processo de decisão sobre as vantagens e desvantagens de viver, trata-se de um ato cujo risco pode aparecer em diversos tipos de agravos de saúde mental ou relacionados a doenças físicas, crônicas, doenças terminais, desemprego entre outros, sendo considerado um problema de saúde pública, o suicídio demanda a atenção de toda a sociedade”, destaca em suas palestras a psicóloga Elaine Reis.

O Brasil é o oitavo entre os 28 países que tiveram aumento nos casos de suicídios. Para a psicóloga Elaine Reis, as pessoas que fomentam a ideia do suicídio, sempre dá alguns sinais claros de que estão com sérios problemas para os quais não veem saída racional e objetiva. “Houve um aumento dos suicídios entre os idosos, por causa de eles se sentirem inúteis, desamparados, por ficarem viúvos, por se aposentarem e acharem que não servem mais para nada”, explica Elaine.

A psicóloga garante que se for trabalhada a prevenção, de cada 10 casos, nove podem ser evitados. “A prevenção não é feita só em setembro não, em época de campanha, é feita o ano inteiro, é importante acompanhar a alteração de comportamento das pessoas e oferecer ajuda se necessário”, alerta.

No Brasil, a população tem à disposição o número 188 do CVV – Centro de Valorização da Vida – órgão sem fins lucrativos dedicado a escutar pessoa que esteja passando por dificuldades, funcionando como uma prevenção ao suicídio. No ano passado, os voluntários que atuam no CVV receberam 2 milhões de ligações.

Com informações da Diretoria de Comunicação da CMA

Você pode ler também!

Pesquisa Ibope: Bolsonaro, 28%; Haddad, 19%; Ciro, 11%; Alckmin, 7%; Marina, 6%

Álvaro Dias (Podemos), João Amoêdo (Novo) e Henrique Meirelles (MDB) têm 2% cada um; Cabo Daciolo

Read More...

Campanha Antirrábica: mais de 12 mil animais foram vacinados na primeira fase da Campanha na zona urbana

Número representa aproximadamente 70% da meta, que é de vacinar cerca de 19 mil animais; ação

Read More...

77ª Campanha de Doação de Sangue é no próximo sábado

Em parceira com Hemonúcleo de Piracicaba, ação será realizada na ETEC Prefeito Alberto Feres, das 8h

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu