Segurança Pública pretende demarcar e numerar vagas

Categorias Notícias, Prefeitura de Araras

As vagas do estacionamento rotativo pago da região central, conhecidas como zona azul, podem ser demarcadas e numeradas nas próximas semanas. A previsão foi divulgada pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Civil, que cita sistema adotado por Leme e Pirassununga.

O secretário de Segurança Pública, Moisés Furlan, explica que a divisão será feita conforme determina o padrão, além da numeração a ser feita com números confeccionados em adesivos. “A ideia é colar os números das vagas nas sarjetas das vagas, assim teremos valor exato do total que serão oferecidas”, afirma.

A demarcação também será feita na região do Hospital São Luiz, onde funcionará a zona verde – estacionamento com período maior de permissão. Em tempo: há alguns meses Tribuna questionou se as vagas seriam delimitadas como já acontece em outras cidades, novamente como exemplo Leme.

Hoje, as vagas na região central de Araras não contam com divisão, o que permite que o motorista estacione de forma irregular – considerada infração grave pelo CTB (Código de Trânsito Brasileiro). Na época, Furlan tinha dito que manteria o mesmo sistema e contaria com o “bom senso” do motorista.

Porém, sem a zona azul a Guarda Municipal verificou infrações de motoristas que estacionam irregularmente nas vagas. Além de infração passível de multa e perda de pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação), o estacionamento irregular também reduz a oferta de vagas.

“Pelo que pesquisamos a demarcação e numeração ajuda na disciplina ao estacionar e decidimos implantar em Araras”, disse Furlan. Em Leme, por exemplo, além da demarcação o motorista também precisa, em algumas ocasiões, informar o número da vaga que deixou o carro estacionado.

Questionado se tal medida seria aplicada em Araras, Furlan pondera que ao menos, por enquanto, não. “A numeração com adesivos será mais para controle da exatidão do total de vagas, mas caso haja necessidade, podemos adotar sistema semelhante futuramente”, revela.

Cobrança da zona azul começa em outubro

Como já informado pela Tribuna, apesar do anúncio feito pela Segurança Pública do retorno da zona azul e início da zona verde neste mês, a venda de tíquetes para pagar o estacionamento começa somente a partir de 1º de outubro.

Atualmente, a Segurança Pública junto com a Digipare, empresa ararense que venceu a licitação e vai disponibilizar o software, preparam todo o sistema para que ele comece a funcionar no mês que vem. “Além da divisão das vagas está em processo de conclusão a confecção das placas com os logos da zona azul que serão fixadas nas fachadas dos estabelecimentos comerciais que venderão os tíquetes”, disse Furlan.

Segundo a assessoria de comunicação da Digipare, existe previsão de implantação de 60 pontos de vendas fixos na cidade, além da compra que poderá ser feita também pelo 0800 e pelo aplicativo que pode ser baixado pelo celular.
Segurança Pública não descarta eliminar outras vagas em 45º

Outro ponto citado pelo secretário Furlan é referente as vagas em 45º, implantadas em julho em caráter experimental ao redor da Praça Barão de Araras, Centro. Na época, a pasta defendeu que as vagas ampliariam a oferta.

Na última sexta-feira (8) o Demutran (Departamento Municipal de Trânsito) informou o fim das vagas em 45º no trecho da praça a partir da Rua Silva Jardim (esquina da Lojas Cem) e Rua Cristóvão Colombo (Bar do Curiango). De fato, as vagas em 45º foram apagadas, mas a ausência de fiscalização e orientação no local fez com que os carros continuassem a serem estacionados em 45º.

Desde a mudança, motoristas e pedestres reclamavam do entrave no trânsito, principalmente no trecho que fica em frente ao Bando Bradesco. A Segurança Pública chegou a alterar o tempo do semáforo que fica na esquina da Lojas Cem, mas a situação não foi revertida.

“Mesmo com a mudança no semáforo percebemos que o trânsito continuava travado naquele ponto. Outro agravante é a entrada e saída de um estacionamento particular, que existe ao lado do banco”, cita.

Furlan disse que tentou chegar a um acordo com o proprietário do estacionamento, para que este estudasse mudar a saída ou entrada para a Rua Nunes Machado. “O acordo não foi possível e por isso optamos pela volta do sistema anterior”, disse.

Questionado se as demais vagas em 45º poderão ser eliminadas, o secretário disse que pretende esperar o início da zona azul e um tempo de operação, até chegar a uma conclusão. “Vamos estudar para saber como a oferta de vagas se manterá com a zona azul, que tende a ser maior. Ao menos por enquanto não pretendemos mexer, mas não está descartada também”, finaliza.

Fonte: Tribuna do Povo

Você pode ler também!

Matheus Ceará apresenta seu novo show “Papai é uma piada” em Araras

A Brain e a Teatro GT trazem para o interior do Estado de São Paulo Matheus

Read More...

Câmara aprova projeto que cria o Conselho Municipal do Bem-Estar Animal em Araras

Foi aprovado por unanimidade, na última segunda-feira (20), durante a 16ª sessão ordinária, na Câmara Municipal

Read More...

Câmara de vereadores cria Comissão para efetuar fiscalização preventiva de maus tratos nos animais da Festa do Peão de Araras

Os vereadores aprovaram na última segunda-feira (20), durante a 16ª sessão ordinária, na Câmara Municipal de

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu