Bolsonaro anuncia adiamento por 60 dias do reajuste dos remédios

Categorias Brasil em

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta terça-feira (31) por meio de uma rede social um acordo com a indústria farmacêutica para que o reajuste anual de todos os remédios seja adiado por 60 dias. O motivo do adiamento é a crise provocada pela pandemia de coronavírus.

O reajuste seria de cerca de 4%, segundo a Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos, e deveria entrar em vigor nesta quarta-feira (1º). Havia uma cogitação de que o adiamento valesse somente para medicamentos relacionados ao tratamento do coronavírus, mas Bolsonaro afirmou que valerá para todos.

Durante entrevista coletiva com ministros na tarde desta terça (31) no Palácio do Planalto, o ministro Walter Souza Braga Neto, da Casa Civil, reafirmou o anúncio feito pelo presidente.

Você pode ler também!

Natal Iluminado começa nesta segunda-feira (6)

Nesta segunda-feira (6), a Secretaria de Cultura divulgou a programação da Campanha Natal Iluminado, que será realizado até o

Read More...

Projeto Saema Verão é lançado com medidas voltadas à crise hídrica

O Saema (Serviço de Água e Esgoto do Município de Araras) está lançando o Projeto Saema Verão, com medidas

Read More...

Secretaria da Saúde se reúne para discutir planejamento de 2022

Na manhã desta sexta-feira (3), na Casa da Memória de Araras Pedro Pessotto Filho, os coordenadores da Secretaria Municipal

Read More...

Mobile Sliding Menu