Bolsonaro anuncia adiamento por 60 dias do reajuste dos remédios

Categorias Brasil em

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta terça-feira (31) por meio de uma rede social um acordo com a indústria farmacêutica para que o reajuste anual de todos os remédios seja adiado por 60 dias. O motivo do adiamento é a crise provocada pela pandemia de coronavírus.

O reajuste seria de cerca de 4%, segundo a Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos, e deveria entrar em vigor nesta quarta-feira (1º). Havia uma cogitação de que o adiamento valesse somente para medicamentos relacionados ao tratamento do coronavírus, mas Bolsonaro afirmou que valerá para todos.

Durante entrevista coletiva com ministros na tarde desta terça (31) no Palácio do Planalto, o ministro Walter Souza Braga Neto, da Casa Civil, reafirmou o anúncio feito pelo presidente.

Você pode ler também!

O que pode funcionar na fase vermelha? Veja

Veja o que pode funcionar na fase vermelha: - Escolas e universidades - Hospitais, clínicas, farmácias, dentistas e estabelecimentos de saúde

Read More...

Começa o recapeamento da Avenida Milton Severino

Com mais de R$ 2 milhões investidos, a Prefeitura de Araras irá iniciar o recapeamento da Avenida Milton Severino,

Read More...

Agentes da GCM de Araras visitam sede da GCM de São Manuel

A GCM (Guarda Civil Municipal) de Araras visitou nesta semana a sede da GCM da cidade de São Manuel/SP.

Read More...

Mobile Sliding Menu