Caixa libera saque do auxílio de R$ 600 a 1,2 milhão de pessoas

Categorias Brasil em

A Caixa Econômica Federal libera nesta segunda-feira (13/7), no aplicativo Caixa Tem, as opções de saque e transferência do auxílio emergencial de R$ 600 a 1,2 milhão de trabalhadores.

A medida abrange as pessoas nascidas entre julho e setembro que tiveram o nome aprovado no lote 3. Esse grupo recebeu a primeira parcela, limitada a pagamentos digitais, em 16 e 17 de junho.

O calendário, organizado de acordo com o mês de nascimento, segue até a próxima terça-feira (15/7). O Ministério da Cidadania resolveu antecipar o restante do lote.

Em portaria publicada na sexta-feira (10/7) no Diário Oficial da União (DOU), a pasta decidiu adiantar a liberação dos nascidos entre agosto e dezembro deste ano.

Na terça (14/7), as opções de saque e transferências serão liberadas a quem nasceu entre outubro e dezembro — inicialmente, o calendário terminava apenas no próximo sábado (18/7).

O governo federal ainda não divulgou, no entanto, o calendário da segunda parcela do auxílio emergencial para esse terceiro lote de beneficiários aprovados.

Cartão virtual
O beneficiário não precisa necessariamente sacar o auxílio caso queira usá-lo. O aplicativo Caixa Tem possibilita que o cidadão faça transferências bancárias e ainda pague contas, como água, luz e telefone.

Além disso, o app disponibiliza gratuitamente o cartão de débito virtual. Com ele, é possível fazer compras pela internet, aplicativos e sites de qualquer um dos estabelecimentos credenciados.

Balanço
Dados atualizados na sexta-feira mostram que mais de 65 milhões de pessoas receberam o auxílio emergencial. Foram creditados mais de R$ 121 bilhões, segundo a Caixa Econômica Federal, divididos em cerca de 173 milhões de pagamentos.

Você pode ler também!

Clientes da Caixa poderão acessar serviços digitais do Governo Federal com a senha do banco

A plataforma é segura e respeita a privacidade e a proteção dos dados do cidadão  Os clientes da CAIXA já podem

Read More...

Em menos de dois meses, mortes por Covid registradas em 2021 no Amazonas já superam total de 2020

Neste ano, já foram registradas 5.288 mortes por Covid-19, mas parte delas ocorreu no ano passado e foi diagnosticada

Read More...

Brasil chega a 250 mil mortos com ritmo acelerado de óbitos por Covid-19; especialistas culpam falta de medidas de isolamento

País alcança a marca em meio à disseminação de novas variantes, escassez de sequenciamento genético, sem rastreamento de contatos

Read More...

Mobile Sliding Menu