Veja o que muda em SP: governo colocou estado na fase vermelha aos fins de semana

Categorias Saúde em
- Updated

De segunda a sexta, só serviços essenciais serão autorizados à noite; aos sábados, domingos e feriados, isso valerá para o dia todo. Aulas na rede estadual só vão começar em 8 de fevereiro. Cirurgias eletivas estão suspensas em todos os hospitais públicos e conveniados.

As ações se concentram em três eixos centrais:

endurecimento de medidas restritivas de isolamento – estado entra fase vermelha da quarentena aos finais de semana e a partir das 20h nos dias úteis;

adiamento da volta às aulas na rede estadual – previsto para 1º de fevereiro, o retorno deve ocorrer no dia 8 do mês que vem; além disso, foi suspensa a obrigatoriedade do retorno presencial dos alunos de escolas em regiões nas fases laranja e vermelha;

e cancelamento de cirurgias eletivas – esse tipo de procedimento foi suspenso em todos os hospitais públicos e conveniados porque o estado corre risco de esgotar sua capacidade de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em 28 dias, caso o ritmo atual de novas internações por Covid-19 se mantenha.
O estado de SP registra média diária de óbitos pela doença acima de 200 há 14 dias seguidos, o que não acontecia desde setembro de 2020.

Nesse estágio, só estão autorizados serviços essenciais, como padarias, mercados e farmácias. Já bares, restaurantes e comércio não podem funcionar.
A medida valerá, em todo o estado, nos finais de semana dos dias 30 e 31 janeiro e dos dias 6 e 7 de fevereiro.

Na capital, inicialmente o governo havia informado que esta segunda-feira (25), por ser feriado do aniversário da cidade, obedeceria às restrições de fase vermelha – ou seja, a mesma regra do fim de semana. No entanto, depois foi informado que, na segunda, as restrições de fase vermelha vão valer partir de 20h, como nos demais municípios.

Os serviços essenciais que podem funcionar na fase vermelha são:

Farmácias
Mercados
Padarias
Açougues
Postos de combustíveis
Lavanderias
Meios de transporte coletivo, como ônibus, trens e metrô
Transportadoras, oficinas de veículos
Atividades religiosas
Hotéis, pousadas e outros serviços de hotelaria.
Bancos
Pet shops

Você pode ler também!

Biblioteca: catálogo de fevereiro disponibiliza mais 108 novos livros à população

O catálogo o mês de fevereiro da Biblioteca Municipal Martinico Prado disponibiliza mais 108 novos livros à população ararense.

Read More...

Município de Araras tem mais de 36 milhões de dívida com a Araprev, diz Prefeito Pedrinho Eliseu

O Prefeito Pedrinho Eliseu publicou em suas redes sociais, que o município de Araras, incluindo Prefeitura Municipal e TCA,

Read More...

Vereadora de Araras cobra medidas do Governo do Estado no combate à pandemia

Em Araras, a vereadora Ana Júlia Casagrande (PSDB) viajou a São Paulo na última quarta-feira (24) para buscar recursos

Read More...

Mobile Sliding Menu