Projeto do vereador Jackson de Jesus aprovado na Câmara estabelece mudanças no pagamento do ITBI

Categorias Câmara Municipal, Notícias

Projeto do vereador Jackson de Jesus aprovado na Câmara estabelece mudanças no pagamento do ITBI

Foi aprovado por unanimidade durante a 28ª sessão ordinária, na última quarta-feira (16), na Câmara Municipal de Araras, o projeto de Lei Complementar do vereador Jackson de Jesus (PROS), que altera o ato do pagamento do ITBI (Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis).

No projeto, também foi aprovada uma emenda proposta pelo vice-presidente da Mesa Diretiva, o vereador Carlos Alberto Jacovetti (REDE).

Pela nova redação que altera o artigo 225 do código tributário do município de Araras, revogando os parágrafos 1º e 2º, da Lei nº 3.362, de 27 de dezembro de 2.001, o imposto deverá ser pago no ato da lavratura da escritura de propriedade do imóvel, junto ao respectivo cartório de notas.

A legislação anterior previa que o pagamento devesse ocorrer no momento da elaboração do contrato de compra e venda, popularmente conhecido como contrato de gaveta, o que é inconstitucional, segundo o vereador Jackson de Jesus. “A exigência da cobrança do imposto antes da lavratura da escritura de compra e venda ou do contrato particular, quando for o caso, como consta na maioria das legislações municipais, é indevida, por isso, apresentei esse projeto que regulamenta a cobrança do imposto e foi aprovado por unanimidade pelos meus colegas parlamentares”, comemora o edil.

Com informações da Diretoria de Comunicação da CMA

Você pode ler também!

Confira a Previsão do Tempo para Araras e Região para os dias 15, 16, 17 e 18/07/2019

Segunda-feira (15/07) e Terça-feira (16/07) Na segunda-feira haverá aumento da nebulosidade nas regiões oeste, sul e

Read More...

Café & Chocolate reúne mais de 80 mil pessoas na Praça Barão

Superando todos os recordes, a edição 2019 do Festival Café & Chocolate, realizado pela Prefeitura de

Read More...

CCJ aprova limites para emissão de som em templos religiosos

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou proposta (PL 524/15) que limita a

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu