Prefeitura de Araras registra 104 furtos de equipamentos públicos em seis meses

Categorias Notícias, Polícia

Ações estão causando problemas aos moradores; prejuízo está estimado em R$ 50 mil até agora.

Bocas de lobo, hidrômetros, fios e outros materiais. O furto de equipamentos públicos está causando transtornos aos moradores de Araras (SP). Em seis meses, foram registrados 104 crimes que somam um prejuízo de cerca de R$ 50 mil, segundo a Secretaria de Obras e Urbanismo.

“Isso tem dado um problema seríssimo para a prefeitura, perde a iluminação pública, perde com entupimento, e o problema vai longe. Peço que a população nos ajude a ver o que está acontecendo”, disse o secretário de Obras e Urbanismo de Araras, Celso Canassa.

A prefeitura informou que precisa da ajuda da população para denunciar as ações, já que a falta dos materiais compromete a prestação dos serviços públicos.

A Guarda Civil de Araras disse que está realizando um mapeamento de onde os furtos mais acontecem na cidade para reforçar o patrulhamento nessas áreas e também fiscaliza os locais que recebem esses itens. As denúncias podem ser feitas pelos telefones 153 ou 190.

Assaltos
O último furto registrado foi na madrugada desta quinta-feira (6), em um posto de saúde do bairro Narciso Gomes. Os suspeitos arrombaram a grade que estava fechada com um cadeado e levaram fios de energia da lavanderia e um compressor de ar interligado ao consultório odontológico.

Sem o compressor, o dentista não consegue usar os principais instrumentos de trabalho. “Só chamei os pacientes e expliquei a situação de como se encontrava. Infelizmente o atendimento ficou prejudicado aqui”, disse o dentista Valdemir Zuntini.

Na rua Rio Grande do Sul, as grades de ferro de dois bueiros foram levadas. Os moradores precisaram improvisar uma de madeira para evitar acidentes, mas o acúmulo de lixo continua entupindo a canalização.

Unidades do Serviço de Água, Esgoto e Meio Ambiente (Saema) também foram algo de vandalismo em junho e tiveram o funcionamento das bombas interrompido, causando falta de água nos bairros Jardim Esplanada e Dalla Costa.

No bairro Bosque de Versalhes, toda a fiação da passarela e o medidor de energia foram levados há 15 dias, fazendo com que os moradores atravessem no escuro.

Prejuízo
Essas ações estão preocupando tanto os moradores, que temem pela segurança, quanto para a prefeitura, que terá grandes gastos para repor.

“Vai haver uma força tarefa para pode refazer todo esse trabalho. Estamos entrando no segundo semestre e as coisas continuam dessa mesma forma. Se tem gente roubando é porque tem gente comprando esse material em preço mais baixo”, concluiu o secretário.

Fonte: G1 São Carlos

Você pode ler também!

Motorista capota veículo após dormir ao volante em Araras

Na manhã deste domingo um grave acidente foi registrado na Avenida Maria Aparecida Muniz Michielin, na

Read More...

Alça do dispositivo no entroncamento da rodovia SP-330 com a SP-191 será interditada temporariamente

A Arteris Intervias, concessionária que integra o Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo,

Read More...

Justiça Eleitoral: Revisão do eleitorado começa em 4 de fevereiro

O objetivo é garantir que todo o eleitorado realize o cadastramento biométrico; o não comparecimento à

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu