381 alunos de Araras são premiados na 12ª Mostra Brasileira de Foguetes

Categorias Educação, Notícias

Resultados recentemente divulgados pela organização do evento apontam conquistas no ouro, prata e bronze para estudantes de 13 escolas municipais

          O município de Araras tem agora mais um motivo para se orgulhar: 381 alunos da cidade conquistaram medalhas de ouro, prata e bronze na 12ª MOBFOG (Mostra Brasileira de Foguetes) – evento de abrangência nacional, realizado anualmente.

         Representando positivamente o município de Araras, 19 escolas – entre estas 13 municipais – participaram da Mostra realizada no dia 18 de maio deste ano. Os resultados foram divulgados recentemente pela organização do evento.

         Nesta 12ª edição, os estudantes medalhistas integraram três níveis da competição científica: Nível 1 (1º ao 3º ano do Ensino Fundamental); Nível 2 (4º e 5º ano do Ensino Fundamental); Nível 3 (6º ao 9º ano do Ensino Fundamental). As conquistas ararenses resultaram em 127 medalhas de ouro, 118 prata e 136 bronze, totalizando 381 insígnias conquistadas.

         A MOBFOG (Mostra Brasileira de Foguetes) – organizada há 12 anos por uma comissão de Astrônomos profissionais da SAB (Sociedade Astronômica Brasileira) e por engenheiros da AEB (Agência Espacial Brasileira) – contou com o incrível número de 119.432 alunos participantes, estes pertencentes a 2.130 escolas de todo o país.

         “Primeiramente, todos os nossos alunos estão de parabéns e são realmente merecedores de toda essa conquista. Foi com muito orgulho e satisfação que recebemos os resultados da 12ª Mostra Brasileira de Foguetes. Além disso, é incrível esse importante reconhecimento para com a educação realizada na cidade de Araras”, comentou a Secretária Municipal de Educação, Mariana Mani Moura.

         A Mostra se trata de uma olimpíada experimental, que consiste na construção e lançamento de foguetes a partir de uma base de disparo, o mais distante possível. Os alunos participantes devem construir o engenho pirotécnico de forma individual ou em equipe de até três componentes.

         O evento envolve alunos de escolas públicas e privadas, com recursos principalmente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, órgão vinculado ao MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações), além de patrocínios da UNIP, VISIONA e AVIBRAS.

 21ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica: mais alunos ararenses são premiados em competição de nível nacional

                 Além dos 381 medalhistas na 12ª MOBFOG, Araras surpreende novamente: três alunos da rede de ensino conquistaram medalhas de prata e bronze na 21ª OBA (Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica) – evento que ocorre juntamente à MOBFOG (Mostra Brasileira de Foguetes), também organizado pela AEB (Agência Espacial Brasileira), em colaboração com a SAB (Sociedade Astronômica Brasileira).

         Entre os ganhadores de medalhas dentro do Nível 1 – estão Kelvin Zuntini Mello (prata), da EE Lions Clube; Mateus Maldonado Sapatini (bronze), da EE Lions Clube; Rhuan Gabriel de Alcantara Custódio (bronze), da EMEIEF Ivan Inácio de Oliveira Zurita. Realizado no dia 18 de maio deste ano, o evento de abrangência nacional contou com 774.232 alunos participantes, estes pertencentes a 8.456 escolas de todo o país.

         De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, as medalhas e certificados já foram entregues às escolas envolvidas nos dois eventos, mas ainda não foi decida a data e forma de entrega da premiação aos alunos ganhadores. Mais informações sobre a MOBFOG (Mostra Brasileira de Foguetes) e a OBA (Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica) podem ser obtidas por meio do site: www.oba.org.br.

Sobre a OBA (Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica)

                 Seguindo o modelo das diversas olimpíadas de conhecimento, a OBA (Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica) tem como objetivo principal difundir a cultura astronômica pela sociedade brasileira, aumentando assim o interesse dos jovens pela Astronomia e pela Astronáutica.

         A OBA (Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica) é organizada anualmente, há 21 anos, por uma comissão de Astrônomos profissionais – pertencentes à SAB (Sociedade Astronômica Brasileira) – e por Engenheiros da AEB (Agência Espacial Brasileira).

         A olimpíada é realizada em todo o Brasil, englobando alunos de escolas públicas e privadas, com recursos principalmente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, órgão vinculado ao MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações), além do patrocínio da UNIP, VISIONA e AVIBRAS.

         Contando com uma única etapa e sendo realizada dentro da própria escola, a OBA trabalha a participação dos alunos de forma totalmente voluntária. Não há obrigatoriedade de número mínimo ou máximo de alunos, ou seja, o número de alunos participantes não é determinado.

Você pode ler também!

ACIA pede esclarecimentos da Elektro sobre cortes de energia

A ACIA encaminhou um ofício à Elektro – Eletricidade e Serviços S. A., no dia 28

Read More...

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 42 milhões no sábado

Nenhuma aposta acertou os seis números do concurso 2.106, realizado na quarta-feira (12). As dezenas sorteadas

Read More...

FHO|Uniararas / SMELAM / Art Laser é bicampeão do Campeonato Paulista Universitário de Basquete

O time de basquete masculino da FHO|Uniararas / SMELAM / Art Laser comemora mais um título:

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu