GCM completa 52 anos e Prefeitura regulamenta benefício para a promoção dos guardas

Categorias Notícias, Polícia em

Os guardas civis municipais de Araras serão beneficiados pelo decreto assinado pelo prefeito Junior Franco, durante a celebração dos 52 anos de fundação da GCM, que aconteceu na manhã desta quinta-feira (3), no Teatro Estadual Maestro Francisco Paulo Russo.

O decreto nº 6.586, de 1º de outubro de 2019, dispõe sobre a redução de 50% na contagem do tempo mínimo de permanência na graduação dos guardas civis municipais, a titulo de promoção. Com isso, boa parte do efetivo será promovida a uma classe acima da que ocupa atualmente, de acordo com o tempo de serviço prestado.

“É uma medida que estamos anunciando nesta data para celebrar os 52 anos de atividades da nossa GCM. E é, principalmente, uma forma de reconhecer e valorizar o empenho de vocês na rotina diária, o comprometimento em deixar nossa cidade cada vez mais segura e o respeito pela farda azul marinho que vestem”, comentou, emocionado, o prefeito Junior Franco.

O chefe do Executivo disse ainda que a Guarda é composta por homens e mulheres que sabem das suas responsabilidades e se empenham em fazer sempre o melhor para que nossa população se sinta protegida e amparada. “Nossa Guarda é motivo de muito orgulho, pois está presente em ações de preservação do patrimônio público, em patrulhamentos preventivos, em rondas escolares e comunitárias, na área urbana, na região rural e também no apoio às demais forças de segurança de Araras. Com o trabalho da Guarda, conseguimos combater a criminalidade e garantir mais qualidade de vida à população”, finalizou.

Além do prefeito Junior Franco, a solenidade contou também com a presença da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Daniela Franco, do vice-prefeito e presidente do Saema, Carleto Denardi, do secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Civil, Wanderleim Geraldo Junior, do comandante e inspetor de carreira, Ricardo Fernando Sgobbi, do vice-presidente da Câmara, Eduardo Elias Dias (Du Segurança), do delegado do SIG (Setor de Inteligência da Polícia Civil), Tabajara Zuliani dos Santos, do comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar de Araras, capitão Hellington Ilges da Silva, do general de reserva do Exército, João Tranquilo Beraldo, e do subtenente do Tiro de Guerra de Araras, Claudio Deoclécio dos Santos, além de guardas municipais de Araras e da região, vereadores, convidados e imprensa.

Ainda durante o evento, alguns gcms foram homenageados pelos 25 e 30 anos de relevantes serviços prestados à população ararense. Quem recebeu homenagem foi também o ex- secretário de Segurança, João Tranquilo Beraldo, pela elaboração do Estatuto da Guarda, que trata da organização da estrutura da GCM, tanto na área administrativa como operacional.

“Foi um reconhecimento pela dedicação destes profissionais que atuam com muito respeito e determinação na conduta efetiva para com os ararenses e extensiva aos companheiros que vestem a farda azul marinho. Há anos, eles cumprem uma verdadeira missão, mostrando generosidade, humanidade, humildade e presteza na conduta em busca de uma vida mais digna e justa para a comunidade. Já para o general, muita gratidão pelos serviços prestados à nossa corporação”, comentou o secretário de Segurança, Wanderleim Geraldo Junior.

GCM de Araras

A Guarda Municipal foi fundada pelo então prefeito Ivan Estevam Zurita com o objetivo de cuidar do patrimônio público municipal e auxiliar a Polícia Militar, que, na época, possuía somente 13 policiais. A corporação de Araras foi a primeira Guarda Municipal armada do Estado de São Paulo e era composta por 30 homens subordinados à delegacia de polícia.

O objetivo constitucional da Guarda Municipal era proteger os usuários e servidores dos serviços públicos, bem como preservar o patrimônio do município, evitando conflitos e atos de vandalismo em praças, parques, escolas, centros de saúde e outros locais com grande concentração de pessoas, além de auxiliar as polícias Civil e Militar.

Atualmente, a GCM está incorporada à Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Civil, assim como o Departamento de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento, Departamento de Vigilância Patrimonial, Divisão de Defesa Civil e o Departamento Municipal de Trânsito. A corporação conta com um efetivo de 173 guardas, sendo 23 mulheres.

Você pode ler também!

Comércio de Araras reabre dia 1º de junho, diz ACIA em comunicado

A ACIA desenvolveu a Campanha “Somos Araras, Compre Aqui!” para a retomada do comércio e de incentivo à população

Read More...

Câmara aprova dispensa de apreciação e votação de requerimentos direcionados ao prefeito municipal

Na 16ª sessão ordinária realizada na última terça-feira (26), os vereadores aprovaram por 10 votos favoráveis e um contrário

Read More...

Câmara aprova sessão de cinema para pessoas com autismo em Araras

Os vereadores aprovaram por unanimidade na 16ª sessão ordinária, na última terça-feira (26), o projeto de lei de autoria

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu