Câmara encaminha moção de apelo ao Sincomerciários de Araras por impedir as lojas de trabalharem aos domingos e feriados

Categorias Câmara Municipal, Notícias em

O documento pede para que o Sindicato dos Empregados no Comércio de Araras cumpra a lei federal n° 13.874, de 20 de setembro de 2019, que institui a Declaração de Direitos de Liberdade Econômica e estabelece garantias de livre mercado, bem como a portaria n° 604, de 18 de junho de 2019, a qual dispõe sobre a autorização permanente para trabalho aos domingos e feriados civis e religiosos a que se refere o artigo 68, parágrafo único, da CLT – Consolidação das Leis do Trabalho -.

Na moção de apelo, os vereadores repudiam a atitude do Sindicato dos Empregados no Comércio de Araras – Sincomerciários -, que vem negando a liberação da certidão de autorização de funcionamento do comércio aos domingos e feriados. Este documento é de direito dos comerciantes, conforme estabelecido em convenção.

A moção também lamenta a atitude do Sindicato, que tem limitado o horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais durante a semana e aos sábados, mesmo que o Código de Posturas do Município possibilite o funcionamento, de segunda à sábado, com abertura e fechamento entre, 6:00 e 19:00 horas.

Os vereadores lembram na moção, que recentemente foi aprovada a Lei Federal n° 13.874, de 20 de setembro de 2019, a qual traz em seu Art.3º, que “são direitos de todas as pessoas, física ou jurídica, promover o desenvolvimento e o crescimento econômicos no Brasil e desenvolver atividade econômica em qualquer horário ou dia da semana, inclusive feriados, sem que para isso esteja sujeita a cobranças ou encargos adicionais”, ou seja, garantindo o direito de escolha dos lojistas de abrirem ou não seus estabelecimentos nessas datas sem qualquer impedimento por parte do sindicato que representa a categoria.

O documento enviado ao Sindicato, faz questão de ressaltar que na vizinha cidade de Limeira, o comércio tem o livre arbítrio para desenvolver seus negócios aos domingos e feriados. “É importante levarmos em conta o princípio da isonomia entre as cidades. Aqui em Araras, houve, inclusive, a queixa de circulação de carros de propaganda sonora, promovendo o comércio da cidade de Limeira, que estaria aberto e em pleno funcionamento, enquanto o comércio ararense seguia fechado por determinação sindical”, destacam.

Os vereadores pedem que o Sindicato atenda a vontade dos comerciantes de Araras. “Nós, vereadores, representantes da população de Araras, atendendo os anseios dos comerciantes de nossa cidade e presando pelo desenvolvimento econômico, por meio, desta moção de apelo, pedimos que seja exercida as referidas normas federais e garanta o direto de funcionamento dos estabelecimentos comerciais em nossa cidade”, descrevem.

A moção de apelo foi encaminhada ao presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Araras, Danilo Sanchez de Arruda e ao presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Limeira, Eduardo Hervatin.

Você pode ler também!

Plano de imunização só ficará pronto quando tivermos vacina registrada na Anvisa, diz secretário do Ministério da Saúde

O secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Arnaldo Medeiros, disse nesta terça-feira (1), em coletiva sobre

Read More...

Conta de luz terá cobrança extra a partir desta terça-feira, decide Aneel

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu nesta segunda-feira (30) que haverá cobrança extra na conta de luz

Read More...

Campanha de doação de sangue vai disponibilizar 150 bolsas para coleta do material

A Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com o Hemocentro de Campinas, realiza a última campanha de doação de

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu