Santa Casa monta tendas para atendimento de pacientes com sintomas de coronavírus

Categorias Saúde em

A Saúde de Araras (SP) montou um esquema especial na saúde, com unidades de atendimento espalhadas por vários pontos da cidade para fazer o atendimento exclusivo de pessoas com sintomas de coronavírus. Elas receberam o nome de “unidades sentinelas” porque tem o objetivo de impedir a disseminação do vírus e agilizar o atendimento dos pacientes suspeitos.

O município decretou estado de emergência por causa da doença. Até a última atualização da prefeitura, na tarde de sábado, Araras tem sete casos suspeitos de coronavírus em investigação.

Duas tendas foram montadas ao lado da UPA 24h Elisa Sbrissa Franchozza, no bairro José Ometto 2, e do Hospital São Luiz , para atender os pacientes em local arejado e não causar risco de contaminção dentro das unidades de saúde.

O objetivo é atender pacientes com problemas respiratórios, como falta de ar e febre, sintomas característicos de doenças gripais graves, como as provocadas pelos vírus H1N1, Influenza A e B e Covid-19 e diminuir o risco de contaminação dentro das unidades de saúde.

A partir de segunda-feira (23), a ação serã estendida os Postos de Saúde da Família (PSF) Eva Cruz (Narciso Gomes), Vital Pacífico Homem (José Ometto 4), Bento Feres (Jardim Dom Bosco), Francisco Nicola Cascelli (Parque das Árvores) para atendimento exclusivo para esses pacientes, das 7h às 22h.

As unidades sentinelas contarão com médicos e equipes de enfermagem, que terão estrutura para examinar os pacientes e verificar a saturação de oxigênio no sangue – se for verificada descompensação respiratória, eles serão encaminhados ao Hospital São Luiz, referência em atendimento de urgências e emergências de saúde na cidade.

“Essas unidades vão agilizar o atendimento e direcionar os casos mais graves para a Santa Casa, evitando que os pacientes permaneçam nas unidades de saúde e possam contaminar outras pessoas que também estão ali”, afirmou o secretário municipal de Saúde, Itacil Zurita Filho.

Ele ressalta que devem procurar as unidades sentinelas apenas as pessoas que têm sintomas graves, principalmente dificuldade respiratória.

“Sintomas leves, de gripe, resfriado, febre, aquela gripe que a gente está acostumado, a gente deve ficar em casa, tomar antitérmico, se hidradar, ter pouco contato com familaires e permanecer em casa”, orientou.

G1

Você pode ler também!

Especialista dos EUA vê “indícios” de redução da propagação de vírus com distanciamento social

O principal especialista em doenças infecciosas do governo dos Estados Unidos disse nesta terça-feira que há "indícios" de que

Read More...

Trump faz alerta sobre próximas duas semanas e diz que planeja proibir viagens do Brasil

O presidente Donald Trump avisou nesta terça-feira que os Estados Unidos devem se preparar para um período de duas

Read More...

Bolsonaro anuncia adiamento por 60 dias do reajuste dos remédios

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta terça-feira (31) por meio de uma rede social um acordo com a indústria

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu