JUSTIÇA DEFERE LIMINAR CONTRA PESQUISA ELEITORAL FRAUDULENTA EM ARARAS

Categorias Cidade em
- Updated

A Justiça Eleitoral de Araras deferiu liminar obrigando o cidadão Marcelo do Carmo Zago a deletar pesquisa eleitoral fraudulenta divulgada em redes sociais.

A referida pesquisa fraudulenta estava sendo divulgada no Facebook e por meio de grupos de WhatsApp.

Nos termos do Art. 17 da Resolução 23.600/2019 do TSE, quem divulga ou propaga pesquisa eleitoral não registrada sujeita-se a aplicação de multa entre R$ 53.205,00 a R$ 106.410,00 além de poder responder pelo CRIME previsto no Art. 18 da mesma Resolução.

Você pode ler também!

PESQUISA REGISTRADA SP-03722/2020 APONTA PEDRINHO ELISEU COM 36,1% DAS INTENÇÕES DE VOTOS

O pré-candidato a prefeito de Araras, Pedrinho Eliseu, aparece em primeiro lugar na pesquisa eleitoral divulgada nesta quinta-feira, 24

Read More...

Confira a Previsão do Tempo para Araras e Região para os dias 23/09 a 27/09/2020

Quarta-feira (23/09) Frente fria deslocou-se para o estado do Rio de Janeiro. Entretanto, devido a sua proximidade do estado de

Read More...

PAT de Araras divulga novas vagas de trabalho para o dia 23/09/2020

5486464 AUXILIAR DE LIMPEZA 5444861 AUXILIAR TÉCNICO 5483784 ASSISTENTE ADMINISTRATIVO 5484596 BABA 5484656 MOTORISTA DE CAMINHÃO 5480379 MOTORISTA DE DISK ENTULHO 5484491 OPERADOR DE EMPILHADEIRA 5484485

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu