Ação da Patrulha Maria da Penha termina com prisão em flagrante

Categorias Polícia em

Uma ação da Patrulha Maria da Penha pode ter salvado a vida de uma mulher em Araras nesta segunda-feira (21). Durante a ocorrência, um homem acabou detido em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.

De acordo com informações da Guarda Civil Municipal, uma mulher, que tem medida protetiva contra o ex-companheiro, caminhava pela rua Tiradentes quando percebeu que estava sendo seguida pelo homem. Neste momento, a vítima se escondeu em um café e acionou a patrulha por meio do WhatsApp.

Os GCM’s chegaram em poucos minutos e constataram que a vítima ainda estava escondida no estabelecimento comercial. No local, ela explicou que o ex-companheiro costumava andar armado.

A mulher foi conduzida até a Delegacia da Mulher e enquanto estava sendo ouvida, os Guardas perceberam a presença do possível agressor, que passava de carro em frente ao local. Ao ser reconhecido, o homem foi abordado para prestar esclarecimentos. Em revista ao veículo durante a ação, um revólver calibre 32 com numeração raspada e munições intactas foi encontrado.

Imediatamente, o suspeito recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, onde foi lavrado flagrante de posse ilegal de arma de fogo. O suspeito ficou detido
à disposição a justiça.

“Realizamos o acompanhamento dessa mulher desde o início da Patrulha Maria da Penha. Assim         que ela percebeu que estava sendo seguida, nos avisou por telefone, se escondeu e só saiu com a nossa chegada. Já na Delegacia, reconhecemos o agressor justamente devido às fotos e vídeos que foram passados durante todo o acompanhamento da mulher, o que fez toda diferença para o flagrante. A agilidade e facilidade no atendimento fazem toda diferença nessas ocorrências e podem salvar a vida das vítimas”, declarou o GCM Cristóvão, um dos responsáveis pela Patrulha Maria da Penha.

 

Aplicativo “Está Acontecendo” e Patrulha Maria da Penha

A Patrulha Maria da Penha é responsável por prestar assistência às mulheres vítimas de violência doméstica.

Com uma equipe exclusiva, formada pelos GCM’s Daiane e Cristóvão, as ocorrências são realizadas por meio do aplicativo “Está Acontecendo” e também por meio do telefone e  WhatsApp da equipe.

Além de ações emergenciais, a Patrulha também realiza o acompanhamento diário das vítimas com medidas protetivas, com informações e visitas presenciais. Atualmente, 13 mulheres são acompanhadas.

“Por meio do aplicativo e do telefone fazemos todos os contatos com as vítimas de violência doméstica diariamente. Temos acompanhado cada caso, esclarecendo dúvidas e também recebendo o maior número de informações sobre os possíveis agressores”, ressaltou Cristóvão.

Disponível somente para o sistema Android, inicialmente, aplicativo “Está Acontecendo” pode ser baixado no seguinte link:  https://play.google.com/store/apps/details?id=net.estacontecendo.android. Outras informações sobre a Patrulha Maria da Penha podem ser obtidas pelo telefone 3543-1547.

Você pode ler também!

Spani Atacadista inaugura sua loja em Araras dia 26/10 às 9h

A rede de supermercados atacadista Spani, inaugura amanhã dia 26/10 às 9h a nova unidade do grupo na cidade

Read More...

TAC (Termo de Ajuste de Conduta) firmado em 2010 reflete hoje no Saema

Apesar da evolução dos últimos meses no tratamento do esgoto do município de Araras que chegou a 60% de

Read More...

Prefeito recebe visita do deputado federal Ricardo Izar

O prefeito Pedrinho Eliseu recebeu na manhã desta sexta-feira (22), a visita do deputado federal Ricardo Izar (Progressistas), que

Read More...

Mobile Sliding Menu