Projeto de Lei da vereadora Anete que incentiva a doação de sangue em Araras é aprovado

Categorias Câmara Municipal, Notícias

Foi aprovado por unanimidade o projeto de Lei da vereadora, Anete Monteiro dos Santos Casagrande (PSDB), que institui no calendário oficial de eventos de Araras o ‘Junho Vermelho’. O mês será dedicado à realização de campanhas sobre a importância da doação de sangue.

As ações irão conscientizar a população em relação ao tema com o objetivo de aumentar o número de doadores na cidade. Monumentos, logradouros e as instituições públicas municipais participarão da divulgação utilizando iluminação e decoração em suas sedes na cor vermelha. “Foi escolhido o mês de junho, devido a celebração no dia 14 do mesmo mês, do Dia Mundial da doação de sangue, o meu objetivo com esse projeto é incentivar as pessoas e aumentar o número de doadores, o que certamente contribuirá para salvar muitas vidas e melhorar a saúde de muitos doentes”, explica a vereadora Anete Casagrande.

De acordo com a justificativa do projeto, o movimento “Junho Vermelho” já é difundido em grandes cidades, locais onde pontos turísticos são iluminados na cor vermelha para simbolizar e ser um indicativo aos cidadãos para a importância na doação de sangue.

Essa campanha foi criada a partir da parceria entre o movimento “Eu Dou Sangue pelo Brasil” e diferentes instituições dos setores público e privado. A iniciativa tem por objetivo de incentivar as pessoas a doarem sangue em um hábito constante.

Com a chegada do inverno, o número de doações cai ainda mais, em média 30%, em virtude da queda de temperatura e do aumento de enfermidades, fato que contribui com a queda dos estoques dos hemocentros.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a recomendação é que, no mínimo, 5 % da população de cada país seja doadora, no entanto, no Brasil, essa porcentagem não chega aos 2%.

Com as informações da diretoria de Comunicação da CMA

Você pode ler também!

Café & Chocolate reúne mais de 80 mil pessoas na Praça Barão

Superando todos os recordes, a edição 2019 do Festival Café & Chocolate, realizado pela Prefeitura de

Read More...

CCJ aprova limites para emissão de som em templos religiosos

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou proposta (PL 524/15) que limita a

Read More...

Stand-up “Nói que é pobre” chega em Araras

A Teatro GT traz para o interior do estado de São Paulo o stand-up do humorista

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu