Prefeitura dá continuidade à cronograma e cria novos “Espaço Árvore” na cidade

Categorias Cidade, Notícias

Projeto tem como objetivo proporcionar o desenvolvimento vegetativo ideal em Araras, contribuindo com o solo e a beleza do município; o novo espaço foi criado na última quarta (26), na Rua Mato Grosso

Seguindo o cronograma de implantação arbórea na cidade, foi realizada na última quarta-feira (26), pela Prefeitura de Araras, a criação de mais um Espaço Árvore: projeto que visa o desenvolvimento vegetativo ideal em meio à área urbana, onde não existam obstáculos referentes ao crescimento da raiz, aumentando assim a área de permeabilidade do solo, além de contribuir com a beleza da cidade.

Coordenado pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos Urbanos e Rurais, por meio do DMA (Departamento de Meio Ambiente de Araras), o mais novo espaço foi criado na Rua Mato Grosso, atrás da EMEI José Paulino de Oliveira – localizada no Parque Industrial. O “Espaço Árvore” é um projeto do Programa Município Verde-Azul, iniciado em 2017.

“A cidade apresenta um alto índice de impermeabilização, ou seja, a água da chuva não penetra no solo devido ao concreto e ao asfalto das ruas. A substituição de coberturas naturais pelo concreto provoca mudanças nas características da atmosfera local. A falta de permeabilidade do solo aumenta o risco de enchentes e não permite a reposição dos aquíferos, reduzindo a vida de nascentes, córregos e mananciais, comprometendo o abastecimento de água. Infelizmente, nossas calçadas, cobertas de concreto, fazem parte dos fatores que contribuem bastante para essa situação. É aí que entra o projeto Espaço Árvore, que vem para possibilitar um espaço propício para o desenvolvimento das árvores, não confinando o crescimento de suas raízes”, explicou Marcela Gambarotto Teixeira, tecnóloga ambiental do DMA.

Sobre o Programa Município Verde-Azul

O PMVA (Programa Município Verde-Azul) – lançado em 2007 pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente – surgiu com o propósito de medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental com a descentralização e valorização da agenda ambiental nos municípios. Dessa forma, tem como objetivo estimular e auxiliar as prefeituras paulistas na elaboração e execução de suas políticas públicas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do estado de São Paulo.

A participação de cada um dos municípios paulistas ocorre com a indicação de um interlocutor e um suplente, por meio de ofício encaminhado a Secretaria de Estado do Meio Ambiente. Além disso, a participação do município no PMVA é um dos critérios de avaliação para a preferência na liberação de recursos do FECOP (Fundo Estadual de Controle da Poluição).

Você pode ler também!

Loja da Vivo tem parede arrombada e celulares furtados em Araras

Imagens de segurança dos vizinhos foram solicitadas e devem ajudar na investigação. Cerca de 30 celulares

Read More...

Ação Social realiza capacitação sobre o Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil

A capacitação teve o objetivo de abordar as prestações de contas à luz da Lei 13.019/2014

Read More...

Mais de 600 mudas foram plantadas pela cidade em fevereiro

Com o objetivo de melhorar a qualidade do ar e do clima na cidade, Secretaria do

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu