Simulado de emergência foi realizado nas dependências do Centro Cultural na manhã desta sexta, 7

Categorias Notícias, Saúde

Evento contou também com palestras sobre a Lei Seca, Liderança em Emergência e Emergências químicas Suatrans

O Centro Cultural Leny de Oliveira Zurita foi sede na manhã desta sexta-feira (7), do segundo workshop de emergência com palestras e um simulado prático de um acidente. O evento foi promovido pelo PAM (Plano de Auxílio Mútuo) de Araras – organização composta por representantes de empresas particulares e de órgãos públicos de Araras.

A necessidade de requisitar o auxílio ao PAM, durante alguma ocorrência, é analisada pelo Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar do Estado de São Paulo – que é a instituição que deve ser acionada pelo cidadão em qualquer situação de emergência, discando para o telefone 193, conforme explica o coordenador do PAM de Araras.

“A ação tem como objetivo integrar os brigadistas de emergência das empresas coligadas. Somos uma associação de empresas que estabeleceram um compromisso de ajuda mútua em caso de um acidente ou uma emergência. Participam deste encontro várias empresas da região, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Samu, Prefeituras de Araras e Conchal. Nós temos uma estrutura suficiente para atender uma emergência de grande porte na região”, comentou Mauro Sergio Michellim, diretor.

A primeira palestra abordou a “Lei Seca e a prevenção de acidentes de trânsito”. O capitão Hellington Ilges da Silva, comandante da Polícia Militar de Araras, é quem debateu sobre o assunto.

A segunda palestra, com o tema “Liderança em Emergência”, foi ministrada pelo tenente Alexandre Rovay, comandante do Corpo de Bombeiros de Araras. Houve também uma terceira palestra, com o tema “Emergências químicas Suatrans – Atendimento Emergencial”.

Para o comandante do Corpo de Bombeiros de Araras, o tenente Rovay, essa retaguarda ofertada pela sociedade organizada, é muito importante para a corporação, que auxilia ao grupo realizando a captação dos coligados ao PAM.

“Este trabalho conjunto é de extrema importância, pois, se uma ocorrência tiver uma proporção maior, precisaremos dos recursos materiais e humanos das empresas e de outros órgãos. Nos reunimos mensalmente e, anualmente, esse workshop acontece”, disse ele.

Você pode ler também!

Obra da Estação de Tratamento de Esgoto é iniciada em Araras

Equipe da empresa vencedora do processo licitatório para realização do serviço está alojada no local da

Read More...

Dedetização em torno da Emei Dona Manoela é executada pelo Saema; autarquia segue com cronograma em bairros da região leste

Dedetização em torno da Emei Dona Manoela é executada pelo Saema; autarquia segue com cronograma em

Read More...

Janeiro Branco: Secretaria de Saúde promove atividade em prol da saúde mental

Iniciativa “Cuidando de quem cuida” será desenvolvida no CEU José Olavo Paganotti, nesta sexta-feira (18), a

Read More...

Poste o seu comentário::

Seu E-mail não será publicado.

Mobile Sliding Menu