Aplicativo do auxílio emergencial: como se cadastrar para receber o benefício?

Categorias Prefeitura de Araras em
- Updated

O governo federal lançou nesta terça-feira (7) o aplicativo Caixa Auxilio Emergencial para se inscrever no auxilio emergencial – benefício de R$ 600 para ajudar famílias afetadas pela pandemia do Coronavírus (Covid-19). O aplicativo está disponível de graça para celulares Android e Iphone (IOS) e permite o cadastro de pessoas que têm direito ao benefício “coronavoucher”. Veja quem tem direito ao benefício e o calendário de pagamento.

 

O que é o auxílio emergencial?

O auxílio emergencial é um benefício estimado em R$ 600 que será entregue por três meses a pessoas que passam por dificuldades financeiras devido ao surto de Covid-19. O “coronavoucher” busca aliviar os efeitos da quarentena da pandemia para trabalhadores informais sem carteira assinada e renda fixa.

 

Quem tem direito ao auxílio emergencial?

O programa é destinado a trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), contribuintes individuais da Previdência Social e desempregados. Os requisitos para receber o auxílio são os seguintes:

• Ter mais de 18 anos;

• Não ter emprego formal;

• Não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou participar de programa de transferência de renda federal (exceto pelo Bolsa Família);

• Ter renda familiar mensal por pessoa de até meio salário mínimo ou, no total, de até três salários mínimos;

• Não ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018.

 

 

Quem deve se cadastrar pelo aplicativo para receber o benefício?

Informais que não têm cadastro no Cadastro Único, MEI e contribuintes individuais do INSS precisam se inscrever pelo aplicativo para receber o auxílio emergencial. Quem não tem certeza se está registrado no Cadastro Único pode consultar pelo próprio app do auxílio emergencial. Basta informar o CPF para descobrir a situação de cadastro.

 

Como receber o auxílio emergencial?

O dinheiro será repassado em etapas, e a primeira leva de pagamentos está prevista para esta semana para quem tem Cadastro Único, é correntista da Caixa ou Banco do Brasil e cumpre os requisitos do benefício. A previsão é de que quem se cadastrou pelo aplicativo a partir de hoje receba o benefício cerca de 48 horas após o registro. Já os beneficiários do Bolsa Família devem receber a partir do dia 16, de acordo com o calendário regular de pagamento.

O auxílio emergencial será disponibilizado diretamente na conta bancária e poderá ser sacado em lotéricas ou agências da Caixa, do Banco do Brasil, Banco da Amazônia e Banco do Nordeste. A previsão é que a primeira parcela fique disponível na próxima terça-feira (14) para saque, a segunda para 27 a 30 de abril, e a terceira entre 26 e 29 de maio.

O dinheiro será depositado em contas poupança digitais para quem não tiver uma conta bancária própria. Essa conta digital será aberta gratuitamente com o nome do beneficiário, e será possível transferir a quantia para outro banco sem custos adicionais.

 

Como funciona o aplicativo do auxílio emergencial?

O cadastro do auxílio emergencial consiste em um questionário para verificar se a pessoa tem de fato direito ao “coronavoucher”, com perguntas como CPF, idade e se já recebe algum benefício do governo. Estima-se que, 48 horas depois do cadastro, o auxílio emergencial seja disponibilizado para os cidadãos.

 

Como se cadastrar para receber os R$ 600?

O cadastro do auxílio emergencial pode ser feito por telefone, site (auxilio.caixa.gov.br/#/inicio) e pelo aplicativo. O portal na Internet e a central de atendimento telefônico também permitem tirar dúvidas sobre o programa e sobre o processo de inscrição.

 

Como baixar e instalar o aplicativo?

O aplicativo pode ser instalado em celulares Android e iPhone (iOS). É importante baixar o app diretamente a partir das lojas Play Store ou App Store, respectivamente.

 

Clique aqui para fazer a inscrição pelo site:

 

Clique aqui para baixar o aplicativo para celulares Android:

 

Clique aqui para baixar o aplicativo para iOS (celulares Apple):

 

Os trabalhadores que não tiverem acesso à internet poderão fazer o cadastro nas agências da Caixa ou nas casas lotéricas. A Caixa também disponibilizou o telefone 111 para tirar dúvidas dos trabalhadores sobre o auxílio emergencial. Não será possível se inscrever pelo telefone, apenas tirar dúvidas.

 

Veja como serão feitos os pagamentos

 

Beneficiários do Bolsa Família

Quem já recebe o Bolsa Família não precisa se cadastrar para receber o benefício. Os trabalhadores que se enquadrarem nas regras receberão o auxílio individual pelo mesmo meio em que recebem o Bolsa Família. Os trabalhadores receberão o benefício que for mais vantajoso.

 

Pagamentos seguem o calendário do Bolsa Família:

• primeira parcela nos últimos dez dias úteis de abril

• segunda parcela nos últimos dez dias úteis de maio

• terceira parcela nos últimos dez dias úteis de junho

 

Trabalhadores inscritos no Cadastro Único

Os inscritos no CadÚnico, mas que não recebem o Bolsa Família, também não precisarão se inscrever.

Para quem tem conta no Banco do Brasil ou poupança na Caixa:

• primeira parcela em 9 de abril

• segunda parcela entre os dias 27 e 30 de abril;

• terceira e última parcela entre 26 e 29 de maio.

 

Para quem não tem conta nesses bancos:

• primeira parcela em 14 de abril

• segunda parcela entre os dias 27 e 30 de abril;

• terceira e última parcela entre 26 e 29 de maio

 

Demais trabalhadores

Os demais trabalhadores que se enquadrem nas regras para receber o benefício deverão se cadastrar pelo aplicativo ou pelo site (preferencialmente). Quem não tiver acesso à internet poderá se cadastrar nas agências da Caixa e casas lotéricas.

• primeira parcela em até cinco dias úteis após o cadastro, iniciando em 14 de abril;

• segunda parcela entre os dias 27 e 30 de abril;

• terceira e última parcela entre 26 e 29 de maio.

 

Contas digitais gratuitas

Os beneficiários do auxílio, exceto os que recebem o bolsa família, irão receber os pagamentos em suas contas bancárias.

Para quem não tem conta atualmente, a Caixa Econômica Federal vai abrir contas digitais gratuitas. Essas contas vão permitir que os beneficiários façam pagamentos de contas de consumo e transferências gratuitamente.

Inicialmente, não será possível fazer saques dessas contas. Para saque em dinheiro, a Caixa vai estabelecer um cronograma posteriormente, segundo o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

Você pode ler também!

Araras retoma vacinação contra a covid-19 nesta quinta-feira

A Prefeitura de Araras retoma nesta quinta-feira (28), no ginásio municipal de esportes Nelson Rüegger, a vacinação contra a

Read More...

Prefeitura voltará a pagar salários no último dia útil do mês

Uma reunião realizada na tarde desta terça-feira (26) no gabinete do Prefeito Pedrinho Eliseu, finalizou as tratativas para que

Read More...

Meio Ambiente comemora dia da Educação Ambiental com ação de conscientização

Em comemoração ao dia mundial da Educação Ambiental, a Secretaria de Meio Ambiente e Agricultura (SMMAA) realizou nesta terça-feira

Read More...

Mobile Sliding Menu