Prefeitura de Araras vai regularizar 14 imóveis do Jardim XV de Agosto

Categorias Prefeitura de Araras em

A Prefeitura de Araras em parceria com o Governo do Estado, por meio do Programa Cidade Legal vai regulamentar a situação de 14 imóveis do Jardim XV de agosto. Para isso, o Poder Executivo assinou Termo Aditivo que prorroga o prazo de vigência do programa no município.

O Programa Cidade Legal foi criado para auxiliar os municípios paulistas na regularização dos núcleos habitacionais. Para isso, o Estado disponibiliza equipe profissional multidisciplinar para a realização de diversos serviços, como capacitação do corpo técnico municipal, análise, estudo e aprovação dos projetos de regularização apresentados.

“A prorrogação desse programa em Araras é extremamente importante para garantirmos que essas pessoas recebam a escritura dos seus imóveis e regularizem a situação desses documentos. Essas famílias têm direito aos documentos que os tornam legalmente donos de suas casas”, explicou o prefeito de Araras, Pedrinho Eliseu.

A regularização atende à reivindicação antiga dos moradores do local, bairro que foi formado no final da década de 1980, anexo à Vila São Jorge, na região sul.

Em Araras, o processo de regularização das moradias do XV de Agosto é de responsabilidade da Secretaria Municipal de Habitação. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3542-2730.

Você pode ler também!

Clube do Livro de Araras abre consulta pública para coleta de sugestões de livros a serem debatidos em 2022

O Clube do Livro de Araras abre uma consulta pública para acolher sugestões de livros que serão lidos ao

Read More...

Prefeito realiza reunião com secretariado sobre planejamento estratégico

O planejamento estratégico para o ano 2022 na gestão do prefeito Pedrinho Eliseu foi apresentado nesta segunda-feira (24), em

Read More...

Araras registra 6 óbitos em decorrência da Covid-19 entre os dias 22 e 24 de janeiro

Entre o último sábado (22) e a manhã desta segunda-feira (24), Araras registrou 6 óbitos em decorrência da Covid-19.

Read More...

Mobile Sliding Menu