Setor de Controle de Endemias divulga balanço das atividades desenvolvidas em 2021

Categorias Saúde em

Em balanço divulgado nesta sexta-feira (17), pelo Setor de Controle de Endemias, mais de 97 mil imóveis ararenses foram vistoriados em 2021 contra a dengue, chikungunya, zika vírus e febre amarela.

O balanço, além de destacar as visitas em busca de vetores, abordou os números de reclamações solucionadas, atividades educativas realizadas pelos agentes, o índice do ADL (Avaliação de Densidade Larvária), arrastões, bloqueios, nebulizações, campanhas de conscientização, entre outras intervenções promovidas pelo Setor.

“O ano de 2021 tem sido de muitas atividades desenvolvidas e orientação à população. Em relação ao número de casos de dengue, comparando com os confirmados até aqui, a queda é de 76%, em relação a 2020”, comentou a comentou coordenadora de Endemias e Zoonoses, Luciana Bianco.

Até o momento, Araras registra 210 casos de dengue, sendo: 128 (região Leste), 19 (Nordeste), 15 (Norte), 9 (Sudoeste), 8 (Sudeste), 8 (Oeste), 7 (Sul), 7 (Assentamentos), 6 (Central) e 3 (Rural). Em 2020, o município registrou 887 casos da doença.

O Setor de Controle de Endemias é composto por 37 profissionais: coordenador (1), supervisores (4), técnico em Enfermagem (1) e agentes de endemias (31).

 

Ações desenvolvidas pelo Setor de Controle de Endemias em 2021

Visitas a imóveis: aproximadamente 96 mil (Imóveis Especiais: 443 visitas/ Ponto Estratégicos: 2.235 visitas)

Reclamações solucionadas: 262 em 2021 (realizadas via aplicativo da Prefeitura (156) e as demais pelos próprios agentes de endemias)

Casas desocupadas: Os agentes de endemias, em parceria com as imobiliárias, vistoriaram dezenas de casas e edificações desocupadas do município de janeiro até o mês de dezembro

ADL (Avaliação de Densidade Larvária): O índice foi realizado quatro vezes durante este ano: Janeiro (0,9), Abril (0,3), Julho (0,1) e Outubro (0,4). De acordo com a classificação da ADL: índices menores 1 são satisfatórios, entre 1 a 3,9 a situação é de alerta  e acima de 3,9, é classificado como risco.

Visitas a obras: 70 vistorias em obras cadastradas em 2021. O ciclo de vistoria é bimestral.

Educativo: Atividades educativas desenvolvidas pelos agentes em 2021: bate-papo online com alunos do COC (março), distribuição de folders nas escolas INSA e CAIC (outubro) e no Cemitério Municipal (novembro).

Bloqueios e nebulizações

Arrastões: Jardim Ometto II (maio) e Jardim São João (setembro).

Visitas ao Cemitério Municipal: Retirada de plásticos, pratinhos de túmulos e aplicação de larvicidas (maio e novembro). Entrega de panfletos educativos e orientação (novembro).

 

Você pode ler também!

Ministério da Saúde e Governo Estadual alteram protocolos de afastamento para infectados por Covid ou síndrome gripal

De acordo com estudos realizados pelo Ministério da Saúde e do Governo Estadual, os protocolos de afastamentos para infectados

Read More...

Saema lança Refis para pagamento de contas atrasadas

O Saema (Serviço de Água e Esgoto do Município de Araras) lançou o Programa de Incentivo ao Pagamento de

Read More...

Araras notifica autoridades a respeito de morte de idoso

A Secretaria Municipal da Saúde de Araras notificou o Centro de Vigilância Epidemiológica da secretaria do Estado de São

Read More...

Mobile Sliding Menu